. MEU CANTINHO EDUCATIVO: VOLTA ÀS AULAS

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

VOLTA ÀS AULAS



Bom retorno para todos, que nosso ano letivo seja repleto de boas realizações.
Estou postando uma dinâmica que realizei com meus alunos no retorno das aulas.

Dinâmica: 'da bexiga '

Cada participante recebe uma bexiga e um papelzinho para escrever seu nome e colocar dentro dela, encher. Ao comando do professor, realizar as atividades, não importando ficar somente com a sua bexiga, pode misturar, trocar. Exemplo:jogando as bexigas para cima, não deixem NENHUMA cair; equilibrar a bexiga nas costas; dançar com a bexiga; trocar de bexiga com outra pessoa,etc. No final, cada pessoa pega uma bexiga qualquer, estoura e abre o papelzinho. Procurar a pessoa cujo nome estava dentro da bexiga e dar um abraço nela, podendo falar também porque admira essa pessoa.


Fica também algumas sugestões de atividades iniciais que pode servir como diagnósticos. A atividade foi preparada para uma turma de 2˚ ano do Ensino Fundamental.


Bom trabalho à todos e um ótimo ano letivo, bjs.

Diagnóstico na alfabetização para conhecer a nova turma
O ditado deve ser iniciado por uma palavra polissílaba, seguida de uma trissílaba, de uma dissílaba e, por último, de uma monossílaba - sem que o professor, ao ditar, marque a separação das sílabas (leia no quadro abaixo como preparar a lista de palavras). Após a lista, é preciso ditar uma frase que envolva pelo menos uma das palavras já mencionadas, para poder observar se o aluno volta a escrevê-la de forma semelhante, ou seja, se a escrita da palavra permanece estável mesmo num contexto diferente.
No começo de 2008, a escola onde Araújo leciona passava por grande reforma. Aproveitando a curiosidade das crianças, ele resolveu trabalhar com uma lista de objetos usados na obra do prédio. As palavras ditadas foram ferramenta, martelo, ferro e pá. E a frase escolhida foi: usei a pá na reforma.

Lista bem feita 
Na sondagem, a escolha certa das palavras e da frase (e da ordem em que elas serão ditadas) é essencial. "O ideal é preparar uma lista de termos de um mesmo campo semântico, ou seja, agregados por uma unidade de sentido, e uma frase adequada ao contexto desse grupo", recomenda a formadora de professores Regina Câmara, do Programa Ler e Escrever. Deve-se evitar que as palavras tenham vogais repetidas em sílabas próximas, como ABACAXI, por exemplo, por causar um grande conflito para as crianças que estão entrando no Ensino Fundamental, cuja hipótese de escrita talvez faça com que creiam ser impossível escrever algo com duas ou mais letras iguais. Por exemplo: um aluno com hipótese silábica com valor sonoro convencional, que utiliza vogais, precisaria escrever AAAI. Os monossílabos ficam para o fim do ditado. Esse cuidado deve ser tomado porque, no caso de as crianças escreverem segundo a hipótese do número mínimo de letras, poderão se recusar a escrever se tiverem de começar por ele.


ATIVIDADES DE ALFABETIZAÇÃO PARA O INÍCIO DO ANO LETIVO

 Obs.: Essas atividades não foram elaboradas  por mim. Encontrei-as na net e estou compartilhando com vocês.

Atividade: MEUS COLEGAS E EU
•       Para conversar, fazer amizade, realizar atividades e tarefas é preciso saber os nomes das pessoas.

PROCEDIMENTO:
Em círculo, estabeleça uma conversa sobre a necessidade de iniciar o trabalho com os nomes dos alunos. (Ponto de partida para o trabalho sistemático de alfabetização).
•       Vocês já se conhecem?
•       Quais já se conhecem?
•       Quem sabe o nome de algum colega?
Para podermos conversar, fazer amizade, realizar atividades e tarefa, é preciso saber os nomes das pessoas.
Apresentação:
Todos se apresentam.
Após a apresentação indagar: como podemos fazer para nos lembrarmos dos nomes dos colegas?
-registro escrito (crachás).
A)    Distribuir os cartões.
b)     Cada um escreverá(do modo que souber) seu nome bem grande na parte superior.
c)     Naquele  escrito de maneira incorreta, escrever  abaixo da escrita do aluno (letra de imprensa maiúscula). Não apague a escrita feita pelo aluno.
d)Prender o crachá com fita adesiva (uso diário.
f)Entregar tiras de cartolina com nome escrito em  letra de imprensa maiúscula (colocar na carteira todos os dias, até que memorizem).

Atividade:Memória de nomes
Cada aluno irá à lousa e fará um círculo com giz de cor em torno de seu nome.
Os que têm dificuldades, receberão ajuda através de pistas: letra inicial, final, tem tantas letras, etc.

Atividade: Descubra o que falta
Escrever o nome de seis alunos na lousa. Ler apontando um a um.
Pedir que fechem os olhos e apaguem um dos nomes.
As crianças deverão dizer qual dos nomes foi apagado.

Atividade: Escrevendo com letras móveis
Usando letras móveis, montem e leiam seu nome e o de alguns colegas.

Atividade: Encontre seu nome
Distribuir tiras em branco. Cada um escreve seu nome e entrega para a pessoa-comando.
Ela irá embaralhar e entregar uma tira para cada.
A um sinal, deverão movimentar-se pela sala e encontrar o colega que está com seu nome.

Atividade: Temos algo em comum
Escreva 4 nomes na lousa. Sublinhe a primeira letra, a última letra, a primeira sílaba e a última sílaba.
Peça que venham alguns alunos e que escrevam seu nome embaixo, observando os critérios.
E: PAULO, FÁBIO, MÁRCIA, CARINA

Atividade: Bingo das letras do nome
Usando letras móveis ou cartões, escreva seu nome (deixar espaço entre uma letra e outra). De dentro de um saquinho vá sorteando e falando o nome de cada letra. Os alunos irão marcando as letras sorteadas que estiverem no seu nome.
Ganha quem marcar todas as letras primeiro.

Atividade: Quebra - cabeças de nomes
Confeccionar tiras de cartolinas com seus nomes.
Separar as letras com traços diferenciados.
Recortar ,separando as letras.
Ex.: G>E)R(S/O/N
Trocar com os colegas e montar os quebra-cabeças.

Atividade: Bingo de nomes
Dobrar a folha de sulfite em três partes: na horizontal e na vertical, formando nove divisões.
Em cada divisão escreva o nome de um amigo do cartaz .(Para jogar, escolha  um  nome do cartaz de cada vez e leia-o alto). Quem tiver o nome em sua cartela , marca com um marcador. Ganha o jogo quem primeiro fizer uma trinca na horizontal, vertical ou diagonal.

Atividade: Adivinhe meu número
Um aluno escolhe um cartão do monte sem que os outros vejam.
Os outros devem adivinhar o número do cartão.
Poderá dar pistas: é maior, é menor, está entre, é maior que, é menor que.
O aluno que adivinhar qual é o número fica com o cartão.
                                                                               
Atividade: Procurando Números
Procurar no jornal ou revistas tudo que eles acham que é número.
Quando encontrarem um número, devem recortá-lo e colá-lo na folha. Ex:
-Figuras que mostrem onde usamos, ou para que usamos os números (placas de carros, números de casas, fotos de embalagens,...) o que muito auxilia na diferenciação de números e letras.
-O número que mostre a idade deles, o número de irmãos que têm, o número de dedos do pé, etc.
-Números de parlendas e trava-línguas.
-Brincadeiras de corda

Atividade: Inventando Cumprimentos
- Caminhar na sala ao ritmo da música. Ao sinal de palmas, cumprimentar o colega mais próximo. A cada sinal dado, o cumprimento será modificado.
- Observar nas próprias mãos: se são ásperas ou macias, quentes ou frias, se os dedos são finos ou gordinhos, como são as linhas das mãos, se têm machucados, marcas, etc.
Em duplas, observar os itens anteriores.
Trocar de parceiros para que possam observar o maior número de semelhanças e diferenças.
Propor a brincadeira “cabra cega” para que os de olhos vendados descubram quem é o dono das mãos que irá tocar.
Ao descobrir troca-se de lugar com o colega até que todos tenham participado.

Atividade: Entrando no círculo
Faça com giz no chão tantos círculos quantos forem as letras iniciais dos nomes dos alunos. Escreva as letras no centro dos círculos.
Aponte um círculo e solicite: “Quem tiver essa letra no início de seu nome, por favor, venha para dentro do círculo.” e ainda: "Diga outros nomes(de pessoas, frutas, objetos, etc.) iniciadas com essa letra."

Atividade: Com quem eu me pareço
-Organizar uma roda (todos em pé).
Um aluno jogará a bola a outro aluno que, ao pegá-la, deverá falar uma característica sua, que esteja presente no aluno para o qual a bola foi atirada, que jogará a outro que também falará uma  característica sua e assim sucessivamente.
 Atenção: Não repetir o critério de escolha.

Atividade: Meu nome é...
Distribuir o encarte e preencher dando dicas...
-Quem sabe meu nome?/ - Meu nome começa com.../ Meu nome termina com.../É grande, tem muitas letras; é pequeno, tem poucas letras, é um nome que tem...letras,etc.

Atividade: A letra final
Pintar a letra final de seu nome.
Reunir em grupos todos aos colegas que tenham a mesma letra final de seu nome.
Devem falar seus nomes para perceber a relação som/ letra.

Atividade: Comida Preferida
Pergunte a cada um qual a comida preferida e vá registrando no papel pardo.
Quando a comida escolhida já estiver registrada, faça apenas uma marca ao lado. Depois que todos tiverem indicado sua preferência faça a leitura e pergunte:
•       Qual é a comida preferida da classe?
•       E a menos escolhida pela classe?
Ilustre os ítens para que se lembrem do que está escrito
Obs: não-alfabetizados- apoio à escrita
         Alfabetizados-ampliar o vocabulário e modelo de ortografia.

Atividade: Jogando o nunca dez
Este é um jogo para quatro jogadores.
Para jogar vão precisar de dois dados e do material dourado.
1.     Como jogar: Cada aluno do grupo, na sua vez de jogar, lança os dados, conta quantos pontos fez e retira para si a quantidade  do material dourado.

Atividade: Dominó
Uma pessoa inicia o jogo  colocando-se em pé no centro da sala  dizendo: “tenho os olhos verdes como a fulana”, que deverá se colocar ao seu lado. A seguir, alguém que possuir algum atributo igual ao de uma das duas, coloca-se  ao lado dela, dizendo qual é o atributo comum.

Atividade: Meu prato predileto
Inicie o trabalho escrevendo na lousa três ou quatro nomes de comidas que tenham aparecido na pesquisa feita em Português. Diga então aos alunos que devem escolher um daqueles pratos e desenhá-lo no cartão que receberam.
 Após terem concluído esta tarefa, diga-lhes que irão construir um gráfico para saber a comida preferida pela maioria dos alunos da classe. Pergunte se lembram do outro gráfico que fizeram e de como o fizeram.
Você pode usar cores diferentes de cartões para mostrar a escolha de cada um. No caso da comida, por exemplo, vocês podem combinar em vez de desenhar o prato, associar uma cor a cada um: arroz (amarelo), feijão (marrom), macarrão (laranja), batata-frita (pele), etc. Cada aluno pintará seu cartão com a cor do alimento preferido e, no gráfico você apresentará a legenda.

Atividade: Procurando 15
Como jogar: Embaralhar as cartas e colocar sobre a carteira,como no jogo da memória(com as faces viradas para baixo): os jogadores decidem quem começa.Na sua vez de jogar; o jogador vira três cartas e soma os números que aparecem.Se o total for 15, fica com elaas, caso contrário,devolve as três para o lugar onde estavam antes e passa a vez para o seguinte.
O vencedor será aquele que ficar com o maior número de cartas quando o jogo acabar. O jogo acaba quando acabarem as cartas ou quando não for mais possível formar um jogo de 15 com três cartas.


Clique aqui e escolha a sua no Site TonyGifsJavas.com.br

Um comentário:

Imac by Artes disse...

Querida professora Eliss!
Amei seu post!
Desejo que seu ano letivo seja repleto de bençãos, sucessos e muitas realizações. Abraços!